17/02/14

medo também é isto

Isto é mais ou menos humilhante de se admitir - mas sabem aquele momento em que estão quase a adormecer e os pensamentos começam a parecer sonhos e vocês imaginam coisas que nunca virão a acontecer?

Eu imaginei dois cenários. Aliás, três - mas, um deles, nem às paredes confesso. Dois cenários completamente improváveis, ridículos até, a roçar a impossibilidade. 

Concretizaram-se. Assim, inesperadamente. Okay. Acho que devia ter experimentado provocar o outro, só naquela de ver se funcionava - e juro-vos que a esta hora não poderia estar mais feliz se o tivesse feito. Enfim. Lá chegará a hora.

Sem comentários: