04/06/15

atividade paranormal

Podia ser um filme mas não é - é mais aquele momento em que, sozinha no carro, vejo uma dedada a aparecer no pára brisas, devagar, como se alguém lá estivesse a passar o dedo, diante dos meus olhos.

Só que eu era a única pessoa no carro e as minhas mãos estavam no volante.

Sem comentários: