08/10/15

por onde andas, cinderela?

Eu tenho tentado, que tenho, voltar aqui - mas entre as 8h nonstop do hospital, as idas ao ginásio entre 3 a 4 vezes por semana, a minha tentativa frustrada de meter as leituras em dia e tudo o resto que há para fazer em casa, desde limpezas a arrumações frenéticas só porque me estou a transformar em alguém muito chato que já não sabe estar quieto, e todos os recados e o vai-aqui-e-ali diário, chego a casa e apetece-me aterrar durante duas semanas seguidas.

Mas eu tento, que tento. Preciso é de baterias novas.

Sem comentários: