29/09/13

sad life

Estou eu aqui mascarada de traficante de droga, com umas leggins que já por si me ficam mal que dói - nunca é aconselhável que uma lontra obesa vá à rua de leggins - camisola do pai e sweat larga que eu sei lá, e embrulhada numa manta, cheia de dores de garganta e de ouvidos, com pouca vontade de mexer mais do que os olhos, e a minha mãe quer tirar-me de casa. Porque é o primeiro ano que posso votar. Porque agora tenho 18 anos e outras responsabilidades. Porque vai contribuir muito para a minha felicidade o facto de espetar uma cruz no boletim de voto, como se eu percebesse alguma coisa daquilo.

E, o pior, teria de mudar de roupa, antes que me prendessem pelo caminho. Não, não me parece.

1 comentário:

fusion disse...

Safoda, há coisas mais importantes na vida. xD