11/06/16

felicidade também é

Ao fim de um mês e meio a viver sem vesícula, achei que estava na hora de deixar de me armar em conas e enfrentar a maior das minhas fobias: a balança. A puta da balança.

Já lá vão quase dez quilos - e o quase, note-se, deve-se ao facto de eu nem saber ao certo qual seria o meu peso à data da cirurgia, uma vez que, nas semanas antes, me dediquei a comer tudo o que me seria restrigido depois. Mas é isso mesmo: entre oito a dez quilos. 

Isto não vos interessa para rigorosamente nada mas é, possivelmente, a coisa mais feliz que esta lontra obesa teve para comunicar ao mundo nos últimos meses.


Quando me livrar dos restantes 300kg que tenho para doar, o ryan gosling pede-me em casamento.

2 comentários:

Agridoce disse...

Isso é muito quilo!... Parabéns :) E não vás comer porcarias para comemorar!

ernesto disse...

Ahahah, não vou, não vou. Agora sou uma moça com juízo :D