27/06/16

o do costume

Qualquer pessoa que ande por aqui há mais tempo sabe o que tenho sofrido, ao longo dos anos, para impôr respeito com esta vozinha de pita que deus nosso senhor me dispensou. É verdade: cinderela, a bicha máscula que se auto-intitula de ernesto, de coisa má, demoníaca, e tudo e tudo, tem, na verdade, voz de quem ainda arrota ao bolo do seu próprio batizado.

Parecendo que não, isto não é fácil. Especialmente ao telefone.
Desta vez, liguei para o hospital, a perguntar o resultado da análise. Ainda antes de ter tido tempo para especificar o serviço, o gentleman, que parecia não entender um caralho do que lhe dizia, ou, quiçá, não me estava a levar a sério, pergunta:

- da pediatria?


Toda uma vida disto.

2 comentários:

homem do leme disse...

Não! Da peidiatria. lol

Sarah in Wonderland disse...

Eu não tenho esse problema na voz mas devo confessar que pareço muito mais nova do que sou na realidade. O que em muitos situações é frustrante.