22/11/15

esses dias em que se bate no fundo

Quando vocês acham que este blog não pode piorar, eis que eu decido contar-vos a forma mais deprimente de se passar uma noite de sábado: fazer colagens no picasa.
É triste, eu sei - mas, enquanto engolia os soluços e limpava as lágrimas o mais depressa que conseguia, visto estar numa sala com mais quatro pessoas e não gostar de me assumir tão lame - acabei por ouvir (ou ler, vá) uma frase no if i stay que me bateu assim com muita força no osso do fígado porque me lembrou de algo.

E dei-me ao trabalho de voltar a essa parte, já depois da choradeira e o filme terem ambos cessado, e fazer cinco print screens, só porque não tenho vida e isto é basicamente o que eu quero dizer. Entretanto apercebi-me de que escolher diferentes imagens para cada colagem acabava por mudar as coisas.

Fiz três. 
Ainda não decidi qual é que lhe quero mandar.





Sem comentários: