04/11/15

uma mistura de #acinderelaémámastambémseapaixona e de #bringmycolhõesback

Não é bem como se eu me orgulhasse desta minha nova faceta extra-derretida, mas a verdade é que hoje, quando o irmão do mocinho se lembrou de me mandar fotos do mesmo, fiquei a babar-me mais tempo do que me orgulho e só conseguia questionar-me como é que o meu rapazinho consegue estar há internado há tantos dias, cheio de sedativos no bucho e ainda com uma anestesia geral para sobremesa e, mesmo assim, estar tão irresistivelmente fofo, apesar do ar de quem está a ver unicórnios a saltar de nuvem em nuvem - e entretanto comecei a dar-me conta de que esta pode ser uma patologia grave.

Quero o meu lado de macho latino de volta.

Sem comentários: