30/05/13

rezemos para que eu a volte a encontrar, ámen

Encontrei hoje, por mero acaso, uma amiga que já não via há mais de 2 anos. Isto podia ter sido um acontecimento feliz, não fosse eu ter ficado tão surpreendida por a ver ali que nem a cumprimentei. Nem ela a mim. Não me saia da cabeça o facto de eu lhe ter dito que lhe ligava depois de jantar, e já se terem passado 3 meses.

E não, nem foi por falta de vontade que não lhe liguei. Foi mesmo por medo de a incomodar (!), por nem saber o que dizer quando voltasse a ouvir a voz dela, tanto tempo depois. Mudaram tantas coisas desde a última vez que estivémos juntas, mudei tanto, que foi impossível não a estranhar. Agora, lá que eu podia ter reagido melhor e mostrar que estava realmente contente por a ver, isso podia. Mas fazer o quê? Ser social e demonstrar afetos não é propriamente algo que costume fazer.

Sem comentários: