10/06/14

whispering

Deixei que a mesma pessoa me desiludisse duas vezes e, mesmo assim, ainda acho que valeu a pena. Como é que cheguei a este ponto? E em que raio de momento é que me tornei numa dessas pessoas que não se importam que lhes tirem tudo, desde que se possam recordar do tempo em que podiam apanhar migalhas? Não sei. Mas tenho saudades. Tenho saudades minhas antes disto mas, sobretudo, tenho saudades de tudo o que senti. Honestamente, nem sei porquê.

Sem comentários: