13/12/14

a vida dá muitas voltas

Mas eu prefiro mesmo quando a vida dá muitas vodkas porque, se é para me deixar tonta, ao menos que me deixe feliz - arre que não há cu que aguente este carrocel.

Sem comentários: