04/02/15

pretérito perfeito do futuro presente

Nunca dizer desta água não beberei - porque, já disse, deus é um tipo com um humor estranho e, de quando em vez, mostra-nos que a água de que não gostávamos ou de que não queríamos gostar nem que fosse a última gota no deserto, pode ser a melhor do mundo. Ou, pelo menos, a que dá mais vontade de beber.

Sem comentários: