25/04/13

é por isso que não sei gostar de pessoas

Alguém me disse por aqui, mais do que uma vez e creio que mais do que uma pessoa, que eu tinha uma mente aberta e cenas. Confesso que na altura achei que esse era um daqueles elogios que se fazem quando não se sabe o que dizer, do tipo ah e tal, és feia mas és muito boa pessoa! ou és burra mas o que importa é ter saúde, e desvalorizei o assunto porque achei que era o normal para a minha idade, que nem podia ser de outra forma.

Apesar de ainda achar que é o normal, apercebi-me de que tal não acontece com muitas pessoas da minha idade, minhas conhecidas. Muitas mesmo. Apercebi-me de que ainda há pessoas da minha idade mais retrógradas do que a minha própria avó. E não, não estou a exagerar. 

Perdoem-me o lado sonhador, mas eu ainda acho que se pode mudar o mundo. O problema é que para se mudar o mundo, é preciso começar pelas mentalidades das pessoas, e nisso tem de se inverter a tendência e sermos nós, os mais novos, a disciplinar os mais velhos, e ensinar-lhes novas formas de se olhar o mundo. Há que aceitar que as coisas mudam e que é assim mesmo que tem de ser. Mas, se as gerações mais novas continuam com a mesma mentalidade das gerações mais antigas, é certo que não iremos longe. 

Não é a minha voz que vai mudar mentalidades, mas se nos juntarmos todos pela mesma causa, sem medo de retaliações, sem nos conformarmos, sem questionar, com tudo o que nos disseram que está certo, então seremos uma multidão, e se for para acabar com este lado antiquado do mundo, eu até nem me importo de aderir a massas.

2 comentários:

somaijum disse...

Não concordo com esta parte "sermos nós, os mais novos, a disciplinar os mais velhos, e ensinar-lhes novas formas de se olhar o mundo", ou pelo menos não acho que vás ter muito sucesso.
As mentalidades dudam-se com as gerações. Os novos vão "saindo" programados, mas aos velhos era preciso fazer um upgrade que a ciência ainda não consegue: mudar o cérebro, como quem muda o disco rígido e instalar um novo sistema operativo.
As mentalidades mudam com o tempo, com as gerações, à medida que os velhos são substituídos pelos novos, à medida que os velhos vão morrendo.
Não digo que todos os velhos são retrógrados, mas há conceitos enraizados que não se apagam. Principalmente porque as pessoas não as querem apagar. xD

patrícia disse...

Mas isso faz com que existam pessoas novas a deixarem-se influenciar pelas mais velhas!