27/07/13

os milagres como este são raros, muito raros mesmo

Dormi quase 12 horas. Eu. Dormi. Quase. 12. Horas.
A última vez que isto aconteceu foi por alturas daquele temporal horrível, e foi só porque não tinha luz e não podia fazer nada. Normalmente, preciso de uns 2 ou 3 dias para dormir 12 horas. Estou fascinada com este pequeno milagre.

3 comentários:

somaijum disse...

Os teus pais têm que desligar o quadro da luz logo a seguir ao jantar. xD
Agora a sério:
toda esta parafernália de tecnologia que nos rodeia, tem efeitos perturbadores no normal ritmo de vida.
No tempo dos meus avós e pais (porque eu já sou velhinho) noite era para dormir porque o dia para trabalhar e mal o sol se punha, as pessoas adormeciam. No dia seguinte tinham que se levantar cedo (ao nascer do sol tinham que pegar ao trabalho) e o ciclo mantinha-se fechado por muitos anos.
Hoje cada vez se trabalha menos fisicamente e o trabalho intelectual cansa de maneira diferente. Causa stress e acelera o metabolismo o que nos leva a estarmos mais tempo ativos.
Com um mundo iluminado, é natural que o organismo fique confuso. Os dias e as noites já não estão bem definidas e há sempre algo a perturbar o ritmo normal de vida.
Fala-se no biorritmo (seja lá isso o que for) alterado e os mecanismos normais deixam de funcionar corretamente.
Claro que depois há os extremos opostos das "outras Patrícias" (espero que ela não me mande prender por causa deste link xD) que dormem demais. É mentira, ela não dorme demais: dorme quando devia estar acordada e está acordada quando devia estar a dormir.
"Pronts", só me "alambazei" porque conheço bem o desespero de querer dormir e não conseguir. Já conheci o outro, o de andar com o sono trocado, de ter sono de dia. Agora já nem disso sofro. Não consigo adormecer cedo, mas levanto-me de madrugada.
É a velhice...

patrícia disse...

No início das férias, não adormecia antes das 6 xD opá, isto é terrível ahahah

patrícia disse...

Nem reparei, deixa lá xD