28/07/13

e diz que eu sou demasiado independente para eles

Adoro aqueles namoros em que um se transforma o cãozinho do outro. A sério. E é quase sempre ele. Chamem-nos lá de sexo fraco, mas olhem que temos a capacidade de meter os colhões de qualquer gajo num frasco e enfiá-lo na mala. E melhor: se quisermos, ainda é corno que carrega a malinha. Não é perfeito?

Não. Sempre achei ridículos esses namoros em que um é o escravo do outro, esse estigma de que é o gajo que tem de pagar tudo, de que o gajo tem de lhe fazer as vontadinhas todas. 

Se eu fosse um gajo, as coisas eram bem diferentes:

1. Mor, tenho frio. Dá-me o teu casaco!
Não querias mais nada. Tu é que sais à noite armada em puta, e eu é que tenho de apanhar uma pneumonia para tu andares armada em lady. Ahhh, vai-te foder mas é!

2. Mor, os meus livros estão pesados, leva-me a mala!
Claro xuxúzinho, então não levo? Assim tu podes ir a abanar o cu e a empinar as mamas, e eu que me foda e que me transforme no quasimodo! Ahhh, vai-te foder mas é!

3. Mor, eu pago... não, deixa, a sério mor, eu pag... pronto, paga lá tu.
Não, não pago. Comeste que nem uma porca e ainda escolheste uma sobremesa, agora pagas tu o jantar porque eu não sou teu pai. E se não tiveres dinheiro, vai lavar pratos, vai vender o cu, vai onde quiseres, mas paga. Ahhh, vai-te foder mas é!

4. Mor, onde é que vais? Dá-me a mão!
Sim, coração. Eu vou mesmo andar sempre de mãozinha dada contigo. E a seguir é um boné laranja para cada um, como nas colónias de férias para velhos. Ahhh, vai-te foder mas é!

5. Mor...
CALA-TE PUTA!

5 comentários:

Kyle Phillipe disse...

adoro xD

Joana disse...

Ahaha, de génio :) Mas acho que retrataste bem a cruel realidade. Eles é que têm de se impor, mas também há por aí muita gaja que ainda pensa dessa forma... Qualquer dia lixam-se x)

MV*T disse...

Vá lá que no meu não nem num extremo nem no outro credo! :p sinto-me muito melhor agora haha

somaijum disse...

Namoram:
Vão na rua, encontram uma poça de água e ele despe o casaco, mete em cima da poça, dá a mão ao seu "morzinho" e: ups, já está. O meu amor passou a poça e não molhou os pezinhos.

Casam
Pronto, já pôs outra vez a pata na poça, "raisparta" a gaja. xD

Ju. disse...

Ahahah, nossa, que biolência! xD O meu namorado não se pode queixar, eu não sou assim! xD
Beijinho*