07/06/14

call me a weirdo now

Eu já enviei um mail ao autor de um livro a questioná-lo sobre o que não consegui compreender.

Sem comentários: