30/05/14

metamormago

A prova de que às vezes as pessoas só falam para não estarem caladas é quando, por exemplo, decidem começar a fazer perguntas cuja resposta é ridiculamente óbvia e elas já sabem à partida. Então, esta semana, a pergunta geral foi ahhhhh, pintaste o cabelo?

Vejamos: na segunda, eu tinha o cabelo horrível, em três tons de laranja e com as raízes a dar de si. Na terça eu tinha o cabelo vermelho escuro.
Para ser estúpida, resolvi responder que não, que não tinha pintado, que tinha acordado assim. Acreditem ou não, houve mesmo quem, a seguir a essa explicação, ficasse muito espantado por saber que pintei mesmo. Ok, tudo bem. Adoro quando me fazem sentir um génio.

Sem comentários: