25/04/14

percebi

As pessoas vão sempre surpreender-nos; umas pela positiva, outras pela negativa, mas arrisco-me a dizer que raramente alguém é o que pensámos. E, às vezes, parecem escolher surpreender-nos todas, de todas as formas, ao mesmo tempo - e nem sabemos se nos havemos de virar para as pessoas fantásticas que acabámos de descobrir ou para as que nos desiludiram e que sentimos não conhecer. É mais ou menos isto.

Sem comentários: