26/08/14

vida madrasta

Como é que eu posso acreditar na existência de um deus qualquer quando, de repente, me apercebi de que o agora não me toca resume, na perfeição, a minha situação atual com o moço?

Sem comentários: