19/05/16

still 6 days to go

O que chateia mais neste tempo miserável é o facto de a vida ser tão injusta com a gente pobre.
A pessoa vende o cu e metade da família para poder ir meia dúzia de dias de férias em maio, e os céus decidem não cooperar e permitir à pessoa ganhar um bocadinho de cor que se veja, só naquela de compensar o facto de não poder sair de casa o resto do verão porque ficou ainda mais pobre.

Não me digam que a vida não é uma puta reles e invejosa, porque é.

1 comentário:

Estudante disse...

Aqui está um dia bonito :P