26/10/14

guilty pleasure

No final das contas, o que mais gozo me deu foi entrar no fb da gaja e ver que ela tinha escrito um texto sobre o falecimento dramático do gato há anos atrás. Olhem que eu sou sensível aos bichinhos e insegura que eu sei lá, mas chorei a rir a ler aquela merda que vai desde os tempos felizes até, literalmente, ao peido mestre do bichano.

Toma lá que já almoçaste - a beleza dela, tal como a minha, esqueceu-se de atuar e, assim como assim, eu escrevo muito melhor do que ela. *flies away*

Sem comentários: