04/01/15

romeiro, romeiro, quem és tu?

Devo ter batido com a cabeça ou estar a sofrer um momento de revelação de um eu que viveu escondido nas profundezas lá do meu eu de trazer por casa, porque ultimamente tenho feito coisas que achei que nunca faria. E o pior é que gostei.

Sem comentários: