09/12/13

é só

Uma das melhores invenções de sempre foram as caixas automáticas. Além de poupar muito tempo nas filas que, felizmente e por enquanto, praticamente não existe, ainda escusamos de ver a cara de enjoo da ou do caixa que nos atende.

A não ser que a patrícia seja a otária que tenta pagar com cartão e insiste em metê-lo mal, até lá ir alguém. Mas é sempre uma boa tentativa para me tornar completamente independente de pessoas. Porque eu não gosto de pessoas.

Sem comentários: