27/01/14

os outros

Vão andando por aí, sem saber para onde e, talvez por isso, não sabem que começam a ficar atrasados. Desconhecem, ou fingem que desconhecem, que o tempo deles não é eterno e que um dia terão de traçar a rota em que nunca quiseram pensar; não têm pressa, coitados, porque ainda vivem na ilusão de que nunca precisarão de escolher - ou lhes passará o que sentem, ou o destino se encarregará de fazer o que for melhor. Estúpidos. Burros. Anormais. Passam a vida a caminhar em sentidos opostos só para terem o prazer de se cruzarem - estúpidos, burros, anormais, outra vez. Fazem de conta que não sabem que seriam mais felizes se caminhassem lado a lado. Pode ser que um dia descubram e já seja tarde de mais. 

Sem comentários: