10/04/15

siga

Depois de meses de pasmaceira, voltei aos mistérios intermináveis e indecifráveis - mas eu tento, que tento, e sou apaixonada por isto que não sei. Se descubro, vai-se a magia - mas vou tentando porque sei que estou longe disso.

Sem comentários: