22/02/14

anotações

Senta-se ao canto e fica a olhar para toda a gente. Ao mínimo movimento, ri-se, seja do que for, seja porque for, seja de quem for - toda a gente é otária, toda a gente merece ser gozada por ela, tão claramente superior a todos aqueles plebeus inúteis com a mania que são gente.

Pessoalmente, não tenho nada contra a gaja - tirando aquela mania irritante que ela tem de respirar.

Sem comentários: