23/02/14

ups

Desde que aceitei o facto de o meu blog já ser mais mal frequentado do que uma casa de putas e agora andar por aqui todo o tipo de gentinha - da que me conhece e não gosta de mim, da que não me conhece mas também não gosta de mim, and so on - que passei a temer pela minha própria vida. E depois, nos bastidores do antro, começam a passar-se coisas meio estranhas - como posts, referentes a pessoas com quem me cruzo habitualmente, de há não sei quanto tempo, lidos 80 vezes numa só semana. 

Se eu desaparecer, saibam que, possivelmente, me arrastaram para um beco e arrancaram os rins a sangue frio. Só estou a avisar para não ficarem preocupados.

Sem comentários: